..

Como escolher seu cirurgião

Não importa o tipo de cirurgia plástica que você está considerando realizar, o fator mais importante para o seu sucesso é a escolha do cirurgião. A questão é: como você pode encontrar um cirurgião plástico qualificado, experiente e treinado? Relacionamos aqui, um pequeno roteiro que poderá ajudá-lo nessa tarefa. Leia atentamente cada tópico e procure seguir cada recomendação. Não tenha pressa. Vale a pena demorar-se um pouco mais nessa etapa porque se você escolher o cirurgião errado, as consequências podem ser difíceis de serem corrigidas depois.


>> Verificação de credenciais


Verificação de credenciais
Quando estiver de posse de uma lista com alguns
médicos, você poderá começar a checar as suas credenciais. Muito embora umas boas referências curriculares não sejam garantia para o sucesso de uma intervenção, elas com certeza aumentam e muito a porcentagem de sucesso do profissional.
Abaixo estão listadas as informações relevantes que você deverá obter através das diversas fontes já citadas, além é claro do próprio consulório ou clínica de cada cirurgião.

Formação
Mais importante do que a faculdade de medicina é o tipo de formação específica em Cirurgia Plástica que o seu candidato a cirurgião tenha cursado. Ele completou o programa oficial de algum serviço credenciado para ensino da especialidade? Quantos anos de treinamento intensivo em todas as áreas da cirurgia plástica este programa incluiu? Embora muitos profissionais concentrem a sua clínica em alguns tipos de procedimentos mais realizados, a formação eclética e uma visão ampla da especialidade conferem melhores habilidades ao profissional, seja qual for sua área preferencial de atuação.

Título de Especialista
Muitas pessoas utilizam o termo "Especialista", mas você sabe exatamente o que ele significa e quais os caminhos para um médico ser assim considerado?
A Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica é o órgão oficial da Associação Médica Brasileira responsável pelo processo da formação de especialistas no Brasil. Quando você escolhe um cirurgião membro da SBCP, pode ter a certeza de que ele é graduado por uma faculdade de medicina reconhecida e completou no mínimo mais cinco anos de residência médica regular, sendo dois em Cirurgia Geral e três em Cirurgia Plástica. Desta forma, o cirurgião estará classificado como Membro Aspirante e reúne condições e pré-requisitos para então prestar a prova para obtenção do Título de Especialista, expedido pela entidade e que envolve exames escritos e orais, alem de avaliação curricular. Somente a partir daí, se aprovado, o médico é considerado um Especialista em Cirurgia Plástica, passando a ocupar a categoria de Membro Associado. Após um intervalo mínimo de dois anos, o cirurgião pode ainda se submeter ao concurso para Membro Titular da SBCP, que constitui a categoria mais elevada da entidade e envolve a apresentação de trabalho científico para uma banca examinadora com uma rigorosa avaliação curricular do candidato. Não deixe de certificar-se se os nomes de sua lista se enquadram nestes conceitos.

Credenciamento Hospitalar.
Mesmo que sua cirurgia seja realizada em clínica ou hospital próprio do cirurgião, é importante que você se certifique de que ele está credenciado para tal procedimento em algum outro hospital de boa reputação. Isso significa que ele foi aprovado pelas normas regimentais do corpo clínico daquela instituição. Ligue para os hospitais e informe-se.

Experiência
Embora não exista um número "mágico" (de tempo ou de procedimentos) que defina "experiência", você deverá se sentir confiante com o fato de seu cirurgião estar bem familiarizado e atualizado com o procedimento em que você está interessado. Você poderá indagar aos cirurgiões da sua lista se eles realizam este procedimento com muita freqüência ou esporadicamente.

Sociedades Profissionais
Os médicos podem fazer parte de muitas sociedades profissionais de maior ou menor importância, mas lembre-se de que a SBCP é a única a conferir o Título de Especialista. Se um cirurgião referir ser membro de alguma sociedade em particular, tome nota do nome e telefone para se informar de quais são os requisitos para esta filiação. Algumas destas sociedades mantem vinculo científico com a SBCP dentro dos princípios éticos necessários, e corroboram para uma educação continuada dos especialistas em áreas específicas através de publicações, simpósios e congressos.

1 | 2 | 3 |

...